Receitas para
seu Jantar a Dois
por Rodrigo Clasen.

A Tradicional Sobremesa Francesa em Versão Salgada Deliciosa

Escrito por Rodrigo Clasen

Clafoutis Salgado


Torta Salgada Clafoutis

O Clafoutis é uma sobremesa francesa tradicional com origem na região de Limousin na França, normalmente feita com cerejas frescas.

Porém, neste preparo fizemos uma variação salgada da receita. Esta versão conhecemos em uma das edições do programa Cozinha Prática da Rita Lobo no GNT e não pudemos deixar de experimentá-la.

Com uma massa macia e os sabores delicados do tomate cereja, da abobrinha e do queijo minas, esta torta é perfeita para você servir em um final de tarde e aproveitar um momento especial a dois.

Aproveite este Clafoutis Salgado.


Ingredientes


  • 1 abobrinha grande
  • 200 g de queijo minas frescal
  • 1 ½ xícara de tomate cereja
  • 4 ovos
  • 1 xícara de leite
  • ¾ xícara de farinha de trigo
  • 1 ½ colher de chá de sal
  • Noz-moscada ralada a gosto
  • Pimenta-do-reino moída na hora a gosto

  • Modo de Preparo



    Lave as abobrinhas e corte-as em meia lua, desprezando as pontas. Tempere com sal e pimenta e leve ao fogo com um pouco de azeite para dourar, levemente, por cerca de dois minutos de cada lado. Reserve.

    Lave o tomate cereja e com a ponta de uma faca faça, levemente, dois cortes em forma de cruz em uma das pontas e aparte delicadamente para retirar as sementes. Reserve.

    Corte o queijo em cubos pequenos. Reserve.

    Quebre os ovos em uma tigela e junte a farinha aos poucos, misturando bem até formar uma massa lisa. Adicione o leite e tempere com sal, pimenta e noz-moscada e misture novamente.

    No refratário em que for assar, use um com 25 cm de diâmetro, distribua a abobrinha, os tomates cereja e o queijo, cubra com a massa e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC para assar por 35 minutos ou até que doure.

    Torta Salgada de Abobrinha e Tomate Cereja

    Rende 8 porções

    Bom Apetite!






    Sobre Rodrigo Clasen

    Minha curiosidade na cozinha começou um pouco tarde. Quando saí de casa para estudar e morar sozinho. Minhas primeiras preparações foram orientadas por telefone e não fugiam muito do arroz e bife. Porém, mesmo assim, em alguns momentos eu me arriscava no uso de temperos e especiarias para “reinventar” o preparo.

    Hoje, alguns anos, muito estudo e preparos depois, posso admitir com toda a certeza que cozinhar é um hobby prazeroso, que me une mais a minha esposa, que me proporciona novas aventuras, conhecer novas pessoas e crescer como pessoa lendo, testando, escrevendo e compartilhando nossos momentos na cozinha, que nos fazem tão bem.

    Em poucas palavras eu sou:

    Publicitário, com atuação em marketing, e apaixonado por tudo que envolve a gastronomia.

    Apaixonado e Casado com a Carol, parceira de Jantares a Dois e de cozinha.

    0 comentários :
    Postar um comentário