Receitas para
seu Jantar a Dois
por Rodrigo Clasen.

Canelone de Abobrinha e Berinjela

Escrito por Rodrigo Clasen

Canelone de Abobrinha e Berinjela


foto canelone de abobrinha e berinjela

Massa é uma receita que preparamos muito aqui em casa, de todas as maneiras e com todos os molhos, pode ser caseira, comprada fresca ou uma boa grano duro que na nossa mesa a massa será sempre o personagem principal.

Neste preparo fizemos a massa caseira e montamos um delicioso canelone vegetariano com molho branco com cogumelos. Esta receita foi inspirada em uma que o chef Claude Troigross apresentou em seu programa Que Marravilha! Chefinhos.

Confira nossa receita de canelone de abobrinha e berinjela.

Ingredientes


Massa

  • 200 g de farinha de trigo
  • 200 g de farinha de sêmola
  • 4 ovos

  • Recheio de Abobrinha e Berinjela

  • 1 abobrinha média
  • 1 berinjela média
  • Mix de tempero a gosto (sementes de funcho, cominho, alcaravia, canela em pó, cardamomo, noz-moscada, 1 cravo, 1 folha de louro)
  • 1 pitada de açúcar mascavo
  • Sal e pimenta a gosto

  • Molho Branco com Cogumelos

  • 1 L de leite
  • 50 g de manteiga
  • 50 g de farinha de trigo
  • 150 g de cogumelo paris
  • 100 g de queijo parmesão ralado
  • Noz-moscada a gosto
  • Sal e pimenta a gosto

  • Modo de Preparo


    Massa

    Em uma tigela grande junte os 4 ovos e bata bem.

    Em uma outra tigela peneire as farinhas e misture. Após peneiradas, adicione metade da farinha aos ovos e misture bem. Vá adicionando o restante da farinha aos poucos até que a massa solte das mãos.

    Caso a massa continue úmida acrescente mais farinha, aos poucos, caso ela tenha ficado muito seca acrescente um pouco de água, mas bem pouco mesmo e misture, até que a massa fique úmida, porém sem grudar nas mãos.

    Sove a massa por mais ou menos 15 minutos.

    Quando a massa estiver pronta coloque-a em um saco plástico e deixe descansar na geladeira por no mínimo 20 minutos.

    Após este período abra sua massa com o auxílio de um cilindro ou rolo de macarrão. Para abrir a massa divida em 4 partes e abra uma por vez, enquanto abre uma deixe as outras três dentro do saco plástico na geladeira para evitar que ressequem.

    Corte a massa em quadrados de 15 cm x 15 cm.

    Leve para cozinhar em água fervente, já salgada, por cerce de 1 minuto cada quadrado. Coloque em água fria.

    Reserve.

    Molho de Abobrinha e Berinjela

    Corte a berinjela em cubos pequenos e leve a uma peneira. Salgue bem a berinjela e deixe descansar por no mínimo 20 minutos para tirar o amargor. Após esse tempo lave bem para retirar todo o sal.

    Coloque o mix de temperos em um pilão ou moedor e moa até virar um pó.

    Refogue a berinjela e a abobrinha em uma panela bem quente com um pouco de óleo e deixe dourar.

    Quando dourar tempere com sal, pimenta, açúcar mascavo e o mix de temperos.

    Reserve.

    Molho Branco com Cogumelos

    Em uma frigideira refogue os cogumelos até que eles fiquem dourados e soltem bastante água. Reserve.

    Em uma panela derreta a manteiga e misture com a farinha, quando formar uma pasta adicione o leite e misture bem, primeiro com a ajuda de um fue e depois com uma espátula para evitar que formem grumos de farinha em seu molho.

    Continue mexendo até engrossar bem.

    Acrescente o cogumelo paris com a água que ele liberou e misture, tempere com noz-moscada, sal e pimenta a gosto.

    Reserve.

    Montagem


    Coloque um quadrado de massa em uma tábua de cozinha e no centro distribua um pouco do recheio de abobrinha e berinjela, enrole a massa sobre o recheio e disponha o canelone em um refratário com a emenda para baixo.

    Repita o processo até o recheio terminar, irá sobrar um pouco de massa que você poderá utilizar com um outro recheio de sua escolha.

    Coloque o molho branco sobre os canelones e cubra com o queijo parmesão.

    Leve ao forno pré-aquecido a 200º C para gratinar.


    foto canelone

    Serve 8 pessoas.

    Bom Apetite!






    Sobre Rodrigo Clasen

    Minha curiosidade na cozinha começou um pouco tarde. Quando saí de casa para estudar e morar sozinho. Minhas primeiras preparações foram orientadas por telefone e não fugiam muito do arroz e bife. Porém, mesmo assim, em alguns momentos eu me arriscava no uso de temperos e especiarias para “reinventar” o preparo.

    Hoje, alguns anos, muito estudo e preparos depois, posso admitir com toda a certeza que cozinhar é um hobby prazeroso, que me une mais a minha esposa, que me proporciona novas aventuras, conhecer novas pessoas e crescer como pessoa lendo, testando, escrevendo e compartilhando nossos momentos na cozinha, que nos fazem tão bem.

    Em poucas palavras eu sou:

    Publicitário, com atuação em marketing, e apaixonado por tudo que envolve a gastronomia.

    Apaixonado e Casado com a Carol, parceira de Jantares a Dois e de cozinha.

    0 comentários :
    Postar um comentário