Receitas para
seu Jantar a Dois
por Rodrigo Clasen.

Ragu de Linguiça Blumenau

Escrito por Rodrigo Clasen

Molho delicioso para acompanhar suas refeições


foto ragu de linguiça blumenau

Um molho delicioso e fácil de fazer que pode acompanhar inúmeras preparações, macarrão, lasanha, polenta cremosa ou pão, pois até com pão ele fica bom.

Aqui em casa servimos acompanhado de polenta cremosa. Servimos na versão mini, pois preparamos um evento para amigos no estilo finger food e servimos 5 pratos salgados e 2 sobremesas, sendo o último salgado o ragu de Linguiça Blumenau com polenta cremosa.

Confira nossa receita e faça em casa!

Ingredientes


  • 2 linguiças Blumenau
  • 3 cebolas
  • 6 tomates
  • 1 xícara de vinho tinto
  • 1 galho de tomilho
  • 1 galho de alecrim
  • Sal e pimenta a gosto
  • Quanto baste de água

  • Modo de Preparo


    Retire a carne da linguiça da tripa e separe bem, com as mãos ou com a ajuda de um garfo. Pique a cebola em cubos pequenos e faça o mesmo com o tomate, mas antes retire a pele e as sementes.

    Em uma panela aqueça um pouco de óleo e leve a cebola para fritar, quando elas começarem a dourar adicione a carne e deixe fritar bem, por cerca de 7 minutos, regue com o vinho e mexa bem raspando o fundo da panela.

    Espere o vinho evaporar um pouco e adicione os tomates e um pouco de água, o suficiente para cobrir a carne, coloque o alecrim e o tomilho e deixe levantar fervura. Baixe o fogo e deixe cozinhar por 40 minutos a 1 hora para apurar bem o molho. Vá adicionando pouco a pouco mais água.

    Experimente antes de colocar o sal e a pimenta, pois como a linguiça já é temperada pode não ser necessário acrescentar mais sal ou pimenta.

    Retire os galhos de tomilho e alecrim e sirva acompanhado de pão, polenta ou sua massa de preferência.



    Serve 6 pessoas

    Bom Apetite!






    Sobre Rodrigo Clasen

    Minha curiosidade na cozinha começou um pouco tarde. Quando saí de casa para estudar e morar sozinho. Minhas primeiras preparações foram orientadas por telefone e não fugiam muito do arroz e bife. Porém, mesmo assim, em alguns momentos eu me arriscava no uso de temperos e especiarias para “reinventar” o preparo.

    Hoje, alguns anos, muito estudo e preparos depois, posso admitir com toda a certeza que cozinhar é um hobby prazeroso, que me une mais a minha esposa, que me proporciona novas aventuras, conhecer novas pessoas e crescer como pessoa lendo, testando, escrevendo e compartilhando nossos momentos na cozinha, que nos fazem tão bem.

    Em poucas palavras eu sou:

    Publicitário, com atuação em marketing, e apaixonado por tudo que envolve a gastronomia.

    Apaixonado e Casado com a Carol, parceira de Jantares a Dois e de cozinha.

    0 comentários :
    Postar um comentário